CULTO CRIOULO

O Culto Crioulo é uma celebração litúrgica e festiva da comunidade que, dentro da estrutura da liturgia, faz uso da linguagem, ritmo, estilo e símbolos tradicionalistas gaúchos. O Culto Crioulo (Campeiro Gaúcho) tem por objetivo enfocar a espiritualidade e religiosidade deste povo.

No Culto Crioulo existem cânticos e orações próprias e adaptadas. Sempre há uma forte acentuação nas rimas. São utilizados, constantemente, símbolos peculiares da vida campeira e dos costumes do povo gaúcho.

Diversos elementos litúrgicos, hinos e orações de uso corrente na liturgia ordinária são adaptados com o linguajar típico da cultura gauchesca. Alguns exemplos: Deus Pais é chamado de “Patrão Celeste”, “Patrão Eterno”; Jesus Cristo é chamado de “Divino Tropeiro”, “Bom Tropeiro”; e o Espírito Santo de “Divino Candeeiro”, “Espírito Vaqueano”.

Um dos atos litúrgicos mais fundamentais que marcam o Culto Crioulo é a união dos lenços na cruz tosca do mato.  Este ato relembra a marcante história do Rio Grande do Sul: a guerra entre Maragatos e Chimangos. O Culto enfatiza o fim do conflito e a busca constante pela paz e compreensão entre os povos.

No último dia 16 de setembro, na Comunidade Evangélica em Doutor Maurício Cardoso – RS celebramos nosso culto Crioulo.

“Foi momento de imensa gratidão
ao Patrão Celestial,
por sua grande bondade
e bênçãos sem igual”

Neste 20 de setembro, dia da Revolução, vamos celebrar novamente, de maneira ecumênica, no CTG Fronteia do Horizonte, às 10 horas.

Pastor Marcelo Peter
Paróquia em Dr Maurício Cardoso - RS

Sínodo Noroeste Riograndense - IECLB


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente a postagem: